Digressão

DIGRESSÃO NACIONAL

Centro de Artes e Espetáculos – CAE, Figueira da Foz
6 de março de 2017 às 15h e 21h30

Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão
8 de março de 2017, às 18h (escolas) e às 21h30

Teatro Aveirense, Aveiro
10 de março de 2017, às 14h30 (escolas) e 21h30

Cine-Teatro Avenida, Castelo Branco
13 de março de 2017, às 18h (escolas) e 21h30

CCC, Caldas da Rainha
15 de março de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Teatro Garcia de Resende, Évora
17 de março de 2017, às 14h30 (escolas) e 21h30

Teatro Micaelense, Ponta Delgada
30 de março às 21h30 e 31 de março de 2017, às 10h30 (escolas)

Centro Cultural e Congressos, Angra do Heroísmo
3 de abril de 2017, às 21h

Teatro Municipal Baltazar Dias, Funchal
7 de abril de 2017, às 21h

Cine-Teatro Constantino Nery, Matosinhos
3 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Centro Cultural de Chaves 
8 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30 [cancelado]

Teatro Ribeiro Conceição, Lamego
10 de maio de 2017, às 14h30 (escolas) e 21h30

Teatro Municipal de Vila Real
12 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Convento de São Francisco, Coimbra
2 de junho, às 14h30 (escolas) e 21h30

Teatro Virgínia, Torres Novas
16 de maio de 2017, às 15h (escolas) [cancelado]

Teatro Municipal Sá de Miranda, Viana do Castelo
18 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Centro Cultural Vila Flor, Guimarães
19 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Teatro Municipal da Guarda
22 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Centro Cultural de Lagos
24 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Tempo, Teatro Municipal de Portimão
26 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Centro Cultural António Aleixo, Vila Real de Sto. António
29 de maio de 2017, às 15h (escolas) e 21h30 [cancelado pela entidade acolhedora]

Teatro das Figuras, Faro
30 de maio de 2017, às 14h30 (escolas) e 21h30

Convento de São Francisco, Coimbra
2 de junho, às 14h30 (escolas) e 21h30

Pax Julia, Teatro Municipal, Beja
7 de junho de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

CAE de Portalegre
8 de junho de 2017, às 15h (escolas) e 21h30

Fórum Municipal Luísa Todi, Setúbal
19 de junho de 2017, às 21h30

Teatro-Cine de Torres Vedras
21 de junho de 2017, às 21h30

Centro Cultural Gil Vicente, Sardoal
26 de junho de 2017, às 21h30

Centro de Artes de Sines
28 de junho de 2017, às 21h30

Fórum Romeu Correia, Almada (Festival de Almada)
7 de julho de 2017, às 17h

Idanha-a-Velha (ar livre)
13 de julho de 2017, às 22h

Centro Cultural Raiano, Idanha-a-Nova
14 de julho de 2017, às 22h

sujeito a alteração

Sinopse

A realizadora Cláudia Varejão e a sua assistente de som Adriana Bolito acompanharam a CNB durante doze meses, recolhendo as imagens que fazem parte do documentário que agora se apresenta. Agachadas, invisíveis num canto escuro do palco, dos estúdios ou dos camarins, de certeza que nos apanharam a todos descalços, fosse no nosso quotidiano simples e rotineiro dos ensaios ou no mais emocional e frágil dos espetáculos. Dançar, mais do que uma profissão, é um modo de vida e o título do filme, um poema de Adília Lopes, gentilmente cedido pela autora, remete-nos para a vulnerabilidade dessas vidas. Será destas imagens, guiadas por artistas e por todos que trabalham com a CNB que, seguramente, também rezará a história das quase quatro décadas da Companhia.

 

 

«A Companhia Nacional de Bailado está prestes a comemorar quatro décadas de existência. Na sua génese está a interpretação dos grandes clássicos e o acolhimento permanente de criações contemporâneas. O quotidiano é rigoroso para bailarinos, coreógrafos, músicos, ensaiadores, costureiras, técnicos de luz, som e toda uma vasta equipa que permite que a dança percorra as salas de ensaio e se alongue pelos corredores até chegar ao palco. Este filme acompanha por um lado as criações, estreias e digressões da companhia de dança mais antiga do país e por outro, o trabalho silencioso e estrutural de cada bailarino.»

Cláudia Varejão
abril 2015

Quem dança deve usar as pernas (curtas)
para alcançar o céu (alto).

Gonçalo M. Tavares,
in Livro da Dança, 2001

Ficha Técnica

Cláudia Varejãofotografia e realização
Adriana Bolito som
Cláudia Varejão e Francisco Moreiramontagem
Maria Maranhaassistente de montagem
Hugo Leitãomontagem e misturas de som
Paulo Américocorrecção de cor
João Matos produtor
Cláudia Varejão, Celeste Alves e Bárbara Valentina coordenação de produção
Marta Lemoscoordenação de pós-produção
Susana Nobredirecção financeira
Pedro Peralta distribuição
Mariana Vascocontabilidade
Uma encomenda da Companhia Nacional de Bailado com produção da Terratreme

Biblioteca Digital