Sinopse

O convite feito aos coreógrafos António Cabrita e São Castro para criarem Dido e Eneias partiu de Luísa Taveira, quando ainda dirigia a Companhia Nacional de Bailado. Considerada a coroa da Ópera Barroca inglesa, esta peça revelou-se o desafio perfeito para estes coreógrafos, cuja linguagem artística tem privilegiado a vivência da palavra no gesto e a sonoridade contida no corpo reflectida no movimento. Essa identidade desencadeará uma viagem por território barroco, alicerçada numa pesquisa musical e dramatúrgica desenvolvida em torno desta trágica história de amor.

Uma ópera coreografada, que pretende ser mais do que a mera ilustração do enredo, impulsionada pelas pequenas histórias de que somos compostos.

Ficha Técnica

SÃO CASTRO E ANTÓNIO CABRITADIREÇÃO E COREOGRAFIA
GONÇALO M. TAVARESASSISTÊNCIA À DRAMATURGIA
HENRY PURCELLMÚSICA "DIDO E ENEIAS" , THE ENGLISH CONCERT & CHOIR, TREVOR PINNOCK
NUNO NOGUEIRAFIGURINOS
F. RIBEIROCENOGRAFIA
NUNO MEIRADESENHO DE LUZ
ARTISTAS DA CNBINTERPRETAÇÃO

Biblioteca Digital

 

FACEBOOK
álbum · evento

 

Imprensa